sábado, 8 de agosto de 2009

O "quase lá" no concurso

Sinceramente eu não sei se é melhor vc se classificar mal a bessa ou chegar quase lá e não entrar.

O concurso que eu já comentei aqui teve um resultado inesperado para mim, de 8 vagas eu fiquei em 13º lugar, de 900 inscritos. O detalhe é que eu não estudei nem uma linhazinha.

Ai que vem: Fui muito bem né? É... mas não bem o suficiente! Que raiva!

Para quem assistiu Caverna do Dragão imagine que, para mim, foi como se o parque de diversões tivesse sido aberto e, quando eu fui passar, fechou na minha cara. Então eu continuo presa nesse infermo de universo paralelo (que é Muriaé).

Tá, para quem pensou assim: "bem feito, se tivesse estudado..." Mas não é bem assim não. A prova estava tão bizarra que mesmo que eu tivesse estudado não teria mudado muito as coisas.

Uma das perguntas foi: Quem é o autor do hino de Porto Real? Agora me respondam uma coisa: eu acertar essa bosta faz de mim uma fisioterapeuta mais apta? rsrsr Acredito que muito pelo o contrário. Pois para eu perder tempo decorando essas idiotices, é pq terei menos tempo para ,me dedicar a minha área.

É, para piorar eu ainda estou fazendo pós graduação, isso quer dizer que não tenho pontuação extra na prova de títulos.

É, o final da estória já sei: não serei chamada e continuarei presa aqui. Infelizmente.

4 comentários:

Lancaster disse...

Sinceramente, isso é triste. :(

Diana Bitten disse...

Normalmente seria triste... mas descontando que essa é a a minha fuga daqui, ela ganha uma proporção um pouco maior do que "triste".

Leana Bittencourt disse...

calma... sei que você ainda chega lá...

Diana Bitten disse...

Obrigada pela fé em mim.

E Deus te ouça! (E coloque juízo na minah cabeça p eu estudar mais!)