domingo, 31 de maio de 2009

Fruit Basket

Há alguns anos atrás já tinha assistido Fruit Basket, ou Fruba, e já havia gostado desse shoujo. Semana passada decidimos reassisti-lo e, para minha surpresa, acredito que eu tenha curtido ainda mais.

Para quem não conhece, conta a estória de Tohru, uma menina órfã (novidade), que está morando em uma tenda após a morte recente de sua mãe. Fatos ocorrem e ela passa a morar em uma das casas da família Souma que, por acaso, é amaldiçoada. Tal maldição faz com que alguns membros dessa família a se transformarem em um dos animais do horóscopo chinês, condição que ocorre quando os mesmos são abraçados pelo sexo oposto.

Obviamente a Tohru acaba abraçando todos eles. Várias vezes. Sem querer.

Os moradores dessa casa, assim como o restante da família, começam a ser influenciados pela personalidade doce, carinhosa e sempre alegre da Tohru (ela é humanamente impossível de existir) que, aos poucos vai trazendo vida à casa.

Cada personagem tem uma importância bem marcada na trama. E cada um tem o seu fardo para carregar (que é bem mais visível no mangá, com pude ver) marcando a a fatia dramática da série, que mesmo sendo bastante bem humorada e romântica, em alguns momentos mostra um drama tão intenso que corta o coração. Eu fiquei muito tocada com, pelo menos, duas estórias.

Dentre os personagens se destacam os moradores da casa, que são o Shigure (cão), o Yuki (rato) e o Kyo (gato), além de Momiji e Ayame (que eu simplesmente ADORO!). E no núcleo do colégio (já que tem um suporte school life) temos as duas amigas da Tohru.

O que me deixou profundamente frustrada e a única coisa que posso reclamar da série é ter sido tão curta! O mangá começa a mostrar uma profundidade cada vez maior, que não foi exibido no anime. O final do mangá é lindo! Muito dramático em certas partes, mas muito bom! Uma injustiça não terem feito uma segunda e terceira temporada. O anime deixou a coisa muito no comecinho...

A série tem cenas hilárias! Eu morro de rir, mesmo tendo visto mais de uma vez. Você encontra de TUDO nesse título: romance, drama e comédia. Vale muito a pena! Recomendo!!! Cheque AQUI.

3 comentários:

Laura Schwartz disse...

Dupla Recomendação!!! Maravilhoso! Buravuro!!!

Lancaster disse...

Fruits Basket me lembra Pollyana. E eu simplesmente tenho trauma de Pollyana desde que fui obrigado a ler aquilo no ginásio. XD

Diana Bitten disse...

Olá! Quanto tempo!

Olha, concordo PLENAMENTE com vc no que diz respeito À Pollyana. Trauma é A palavra.

Mas em relação a Fruba não tenho o que fazer a não ser discordar. Se bem que pelo o que eu acompanho nossos gostos divergem demais!

Abços!