terça-feira, 8 de junho de 2010

6° dia - Livro que menos te fez ter a atenção nele;

Esse foi muito simples, pois foi o livro que mais demorei, em toda a minha vida, para ler:

CONFESSO QUE VIVI
Pablo Neruda

Não que o livro seja ruim, pois não é. Porém algo nele fez com que eu não me apegasse. Achei cansativo, lento, não me envolveu mesmo!

Olha, complica até para eu fazer uma resenha, já que não absorvi praticamente nada do livro, só posso dizer que é a autobiografia (famosérrima) de Neruda e que eu já me prometi que, algum dia, o lerei com uma maior dedicação.

8 comentários:

Laura Schwartz disse...

Tem livros que tenho vontade de ler mas também não consigo de jeito nenhuma, muitas biografias estão nesta lista, acho que o problema é justamente isso, biografias às vezes são um saco!

Diana Bitten disse...

Idem, idem...

Patota disse...

Não gosto de biografia tbém. Prefiro um bom romance policial.
Outra coisa q não gosto muito é de poesia. Algumas são lindas, mas outras não me "tocam".

Diana Bitten disse...

Patota, IDE, IDEM E IDEM.,

Eu definitivamente não gosto de poesia. E, como vc admito que tem algumas bonitas e tal, mas NÃO ME TOCAM MESMO!

Abços!

Laura Schwartz disse...

Ai, se um homem tentar ler poesia pra mim eu tenho até tendências suicidas!

Diana Bitten disse...

Mas Laura... vc está falando de homem ou macho?

Pois para mim MACHO mesmo não lê poesias rsrs (credo, vão me linchar por preconceito aqui daqui a pouco!)

Bjo!

Laura Schwartz disse...

Pois é, mas às vezes o macho quando tá meio apaixonado tenta dar uma de romântico e acha que toda mulher quer rosa e poesia. E lembra o que aconteceu com o último namorado que me mandou rosas, né?

Diana Bitten disse...

Rsrsrsr "lembro" rs.