quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Novidades: banda larga!

Deus deu asa à cobra!!

Mesmo tendo sido a "Última das Tchucarramães" a ter banda larga, cá estou eu! Se antes, que eu era uma mera internauta de 30 Kbps fazia mil coisas, imaginem agora com 600? Hum? Hum? O céu é o limiteeeeee!

Primeira sensação é louca, já que você não sabe o que vai baixar primeiro, tantas são as coisas que têm que ser atualizadas, tantos são os novos recursos que se abriram prá você.

Primeiro as coisas "sérias" (antivírus e atualizar todos os programas que você usa ultimamente), depois aquelas coisas que todo mundo viu menos você, depois seus luxos pessoais, depois seus hobbies... e a lista não pára.

Bom, hoje à noite, voltando prá casa com um novo conhecido, discutindo exatamente isto - "o mundo moderno dependente de conexão" - ele me conta que divide a velox com os vizinhos, mas que a esposa do vizinho (que se encontra desempregado) vive perturbando.

A tal senhora diz que computador ligado (para manter todos os vizinhos conectados) gasta luz e tal, infernizando o marido, até que ele desligue a rede. Deixando todo o resto "da gangue" na saudade.

Sábado passado o desespero foi tanto de um dos "vizinhos-associados-ao-esquema" que ele esperou o vizinho-mor e sua esposa sairem de casa e a INVADIU, apenas para religar a rede.

Isso, invasão de propriedade por crise de abstinência de conexão. É... o pior é que eu nem consigo julgá-lo.

4 comentários:

Rafaela Lobato disse...

Entendo completamente a crise de abstinência, mas não sei se seria capaz de invadir a casa de ninguém, não. Acho que uma boa conversa resolve boa parte dos problemas.

Diana Bitten disse...

Eu não seria capaz MESMO.

Sempre que tentei fazer coisas ilegais, sejam elas até bobinhas, tipo mentir, colar em provas... ou mais sérias como trair e tal, eu acabo me estrepando!

Meu corpo se recusa a fazer a tal coisa e reage doidamente... rsrsrsr

Samuel (Tripa) disse...

uhaUHAuhaUHAhuaHUAuhaHUAuhaUHA
mal dos tempos modernos...
eu ja fiz varias tramóias diabólicas pra acessar a net, mas nunca invadi a casa de ninguem não... '-'
mas o kra foi ninja nessa historia.
Por isso q essas coisas "inter-residenciais" nunca dão certo...

Carioca Spirt disse...

Prefiro invadir redes wireless com o meu humilde Ubuntu Linux.

Apesar de não invadir a casa de ninguém para tal ato, sei que com isso posso descobrir coisas muito piores. Tipo, aquela foto do negão de calcinha rosa na cabeça. Rss...

Mas, enquanto meu velox estiver "funfando" normalmente, não praticarei tais atos.